domingo, 22 de setembro de 2019

Ladeira da Santa Grande Reserva 2015 Tinto




Dão


Touriga Nacional, Alfrocheiro


13 %

Natural, bom estado, molhada apenas na base


11,02 € (Garrafeira S. João)


Retinto, com rebordo violeta. Aroma intenso, com as flores da Touriga a abrirem em todo o seu esplendor, a fruta vem depois, apelativa, devidamente acompanhada pelas notas de especiarias. Boca aveludada, elegante numa primeira fase, mantém o perfil do nariz, saboroso, amplo, termina longo e prazeroso com ligeira secura. Vinho elegante, preciso e longevo, bom parceiro de mesa, mas que pode ser apreciado a solo. Preço muito justo para esta qualidade.
Março 2019
 
Com Alma
 

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

FEIRAS VINHOS SUPERMERCADOS 2019 (Em Actualização)




Como é habitual nesta altura do ano, estão a decorrer as Feiras de Vinhos das grandes superfícies comerciais. Na altura em que escrevo estas linhas o El Corte Inglés ainda não tinha começado a sua feira. Assim que ocorrer, farei a apreciação habitual. Vamos ao panorama geral:

Continente (19 de Setembro a 14 de Outubro)
A feira denomina-se “Feira de Vinhos” e, segundo do folheto, possui mais de 300 vinhos em promoção. A feira conta com a colaboração de dois enólogos que fornecem uma ajuda com o melhor momento de consumo e com a harmonização do vinho com comida. Alguns vinhos possuem a indicação “Escolha do Enólogo”, segundo o conhecido Guia Popular de Vinhos 2020 do enólogo Aníbal Coutinho. A apresentação dos vinhos no catálogo está dividida por regiões vitivinícolas. Em cada uma das regiões é apresentada uma sugestão de harmonização de um vinho com comida e a respectiva receita para confecção do prato. Tal como em anos anteriores, verifica-se a inclusão de vinhos premiados Uva d’Ouro, um concurso que “visa premiar a excelência dos vinhos que estão disponíveis na rede de hipermercados do Grupo Sonae”, que este ano vai na 7ª edição. A lista completa dos premiados encontra-se aqui.
Tal como em anos anteriores, a oferta de vinhos do catálogo é relativamente diversificada, mas claramente marcada por vinhos da chamada entrada de gama ou gama média/baixa. Muitos vinhos têm preço promocional com indicação “Super Preço”. Dentro destes há várias referências de vinhos que são vendidas em exclusivo no Continente com preços promocionais com descontos até 70%. Geralmente estes vinhos não valem o preço dito “normal” a que são vendidos. O preço justo acaba por ser o preço final após a redução de preço. É uma questão de marketing e só se deixa “enganar” quem quer. Se quiser experimentá-los, tem muito por onde escolher. Talvez encontre alguma surpresa. No final do catálogo encontra alguns vinhos para momentos especiais, os chamados vinhos da Cave do Continente. Como vem sendo habitual, a imagem de alguns vinhos não é elucidativa, pelo que só presencialmente é que os clientes têm noção do ano de colheita. Quanto a vinhos fortificados e espumantes, a oferta é relativamente pequena.
Esteja atento que o Continente costuma dedicar vários dias da campanha a algumas regiões vitivinícolas, geralmente ao fim-de-semana, promovendo descontos no preço de todos os vinhos dessa região (constantes no catálogo e não só). Pode conseguir adquirir alguns vinhos de gama média ou média-alta nessa altura a preços mais convidativos.

Folheto Continente

Pingo Doce (Até 30 de Setembro)
A feira denomina-se “Colheita Perfeita Vinhos & Sabores de Portugal”. Tal como no ano anterior, a feira baseia-se no “Programa de Qualidade a Toda a Prova”, iniciativa do Pingo Doce em colaboração com o enólogo Frederico Vilar Gomes. O enólogo terá tido um papel importante na escolha dos vinhos a incluir no catálogo uma vez que, de acordo com o que é referido, fez uma prova cega dos vinhos aos quais atribuiu uma classificação entre 0 e 100 pontos. Apenas os vinhos com mais de 80 pontos foram escolhidos para as campanhas do Pingo Doce. No catálogo, os vinhos foram divididos em quatro categorias de apreciação, desde o “Equilibrado” até ao “Extraordinário”. A apresentação dos vinhos no catálogo está dividida por tipo/cor (espumantes, rosés, brancos e tintos) e, dentro destas categorias, por regiões vitivinícolas em que são destacados vinhos da marca Pingo Doce em cada região. Todos os vinhos são apresentados com a classificação atribuída pelo enólogo e com a indicação do desconto atribuído na campanha, que pode ir até mais de 65 % (tal como referi no caso da feira do Continente, não se deixe enganar pelos descontos avultados). Tal como na feira do Continente, a oferta de vinhos do catálogo é relativamente diversificada, mas claramente marcada por vinhos da chamada entrada de gama ou gama média/baixa. Nalguns casos, a imagem de alguns vinhos não é elucidativa, pelo que só presencialmente é que os clientes têm noção do ano de colheita. Quanto a vinhos fortificados e espumantes, a oferta é relativamente pequena. Esteja atento que o Pingo Doce costuma dedicar semanas ao longo do ano (fora da altura da campanha da Feira de Vinhos) a algumas regiões vitivinícolas, promovendo descontos no preço de todos os vinhos dessa região (geralmente 25%). Pode conseguir adquirir alguns vinhos de gama média ou média-alta nessa altura a preços mais convidativos.

Folheto Pingo Doce

Intermarché (12 de Setembro a 02 de Outubro)
A feira não tem uma denominação explicita, apresentando-se como um “Brinde aos momentos bons da vida, com os preços mais baixos”. O catálogo apresenta uma secção inicial com os vinhos de marca própria “Selecção de Enófilos”, convidando à aquisição de seis garrafas pelo preço de cinco. Os outros vinhos apresentam-se divididos por regiões vitivinícolas, com destaque de um ou outro vinho por região. A oferta é diversificada, mas também marcada por vinhos da chamada entrada de gama ou gama média/baixa. Todos os vinhos são apresentados com a indicação do desconto atribuído na campanha, que pode ir até 60 % (tal como no caso das feiras referidas anteriormente, não se deixe enganar pelos descontos avultados) e não possuem menção do ano de colheita. No final do catálogo surge uma secção de “Vinhos de Excelência”, com descontos de 10%.

Folheto Intermarché

Auchan (20 Setembro a 03 de Outubro)
A feira denomina-se “E para abrir o apetite, abre-se um bom vinho”. A oferta de vinhos do catálogo é diversificada e dominada pelos vinhos de gama média/baixa, como é apanágio destas superfícies comerciais. A apresentação dos vinhos no catálogo está dividida por regiões vitivinícolas e alguns vinhos aparecem destacados, com sugestões de harmonização, embora sem notas de prova. A legenda da imagem dos vinhos no catálogo não contém o ano de colheita. Quase no final do catálogo aparecem alguns vinhos premiados no “Concurso 2019 Vinhos de Portugal” e outros resultantes de pequenas produções. No final do catálogo aparecem os vinhos estrangeiros e os chamados “vinhos correntes”, bag-in-box incluídos. Existe também um pequeno destaque para vinhos espumantes e fortificados.

Folheto Auchan

El Corte Inglés (em breve)


Tal como em anos anteriores, as feiras de vinhos continuam a não ser muito entusiasmantes. No entanto, encontram-se boas propostas de vinhos a bom preço e para todas as bolsas. Mais abaixo indico algumas sugestões de boas compras com indicação de preço e locais de compra. Os vinhos encontram-se ordenados por preço e o valor mais baixo encontra-se destacado. Uma última chamada de atenção para o facto de haver também boas propostas de vinhos a bom preço nas superfícies comerciais e que não constam nos catálogos da campanha. Os mais conhecedores deste meio poderão fazer boas compras “fora do catálogo”. Convido o leitor a consultar também a minha lista de “Boas Relações Satisfação/Preço”, uma lista mais geral de vinhos que se encontram no mercado e que inclui aqueles que não se encontram nos folhetos de Feira. Poderá encontrar aqui outras sugestões de boas compras. Para quem quiser “outras coisas” já sabe que dificilmente as encontra nos hipermercados. Terá que visitar as garrafeiras da especialidade…

Boas compras e boas provas.

Sugestão de compras (vinhos de catálogo):

Brancos
Adega de Pegões Col. Selec. 2018 Setúbal (Intermarché: 2,39 €; Auchan: 2,49 €; Pingo Doce: 2,69 €; Continente: 2,99 €)
Fiúza 3 Castas 2018 Tejo (Continente: 2,59 €)
Prova Régia Arinto 2018 Bucelas (Auchan: 2,69 €; Continente: 2,79 €)
BSE 2018 Setúbal (Auchan, Continente: 2,99 €)
João Portugal Ramos Loureiro 2018 V. Verde (Pingo Doce: 2,99 €)
Muros Antigos Escolha 2017 V. Verde (Pingo Doce: 3,69 €)
Vidigueira Ato IV A Inspiração Antão Vaz 2018 Alentejo (Intermarché: 3,69 €)
Planalto Reserva 2018 (Auchan, Intermarché: 3,69 €; Pingo Doce: 4,29 €)
3 Rios 2018 V. Verde (Pingo Doce: 4,49 €)
Monte da Ravasqueira Sauvignon Blanc 2018 Alentejo (Intermarché: 4,49 €)
Deu-la-Deu Alvarinho 2018 V. Verde (Intermarché: 4,75 €; Continente, Pingo Doce: 4,79 €)
Muros Antigos Loureiro 2018 V. Verde (Auchan, Intermarché: 4,99 €)
Santos da Casa Alvarinho 2017 V. Verde (Pingo Doce: 5,99 €)
Monte Cascas Biológico 2017 Beira Interior (Auchan: 6,59 €)
QM Alvarinho 2018 V. Verde (Continente, Pingo Doce: 6,89 €; Intermarché: 7,89 €)
Contacto Alvarinho 2017 V. Verde (Auchan, Intermarché: 7,89 €; Pingo Doce: 7,99 €)
Quinta do Monte d'Oiro 2018 Lisboa (Auchan: 7,99 €)
Morgado de Santa Catherina Reserva 2017 Bucelas (Auchan: 8,69 €)
Vinha Antiga Escolha Alvarinho 2017 V. Verde (Auchan: 8,89 €)
Deu la Deu Reserva Alvarinho V. Verde (Auchan: 8,99 €; Pingo Doce: 9,69 €)
Elpídio Superior 2013 Espumante Bairrada (Auchan: 12,49 €)
Quinta do Regueiro Primitivo Alvarinho 2017 V. Verde (Auchan: 13,99 €)
Muros de Melgaço Alvarinho 2018 V. Verde (Pingo Doce: 14,99 €; Intermarché: 15,99 €)

Tintos
Grão Vasco 2017 Dão (Continente: 2,39 €; Auchan, Pingo Doce: 2,59 €)
Confidencial Reserva 2015 Lisboa (Auchan: 2,95 €)
Dory 2917 Lisboa (Auchan: 2,99 €)
Quinta da Alorna 2016 Tejo (Auchan, Continente: 2,99 €)
Monte Velho 2017 Alentejo (Continente, Pingo Doce: 3,79 €)
Adega de Pegões Syrah 2016 Setúbal (Auchan: 3,99 €)
Adega de Pegões Trincadeira 2016 Setúbal (Auchan: 3,99 €)
Foral dos Quatro Ventos Superior 2016 Douro (Auchan: 4,19 €)
Pedra Cancela Selecção do Enólogo 2016 (Continente: 4,19 €)
Burmester 2016 Douro (Auchan, Continente: 4,49 €)
Azul de Ventozelo 2016 Douro (Continente: 4,99 €)
Casa de Santar 2016 Dão (Intermarché, Pingo Doce: 4,99 €)
Quinta do Valdoeiro 2013 Bairrada (Auchan: 4,99 €)
Luís Pato Baga Touriga Nacional 2015 Bairrada (Auchan, Continente: 5,19 €)
Pomares 2017 Douro (Intermarché: 5,99 €)
Beyra Reserva 2015 Beira Interior (Continente: 6,69 €)
Quinta dos Carvalhais 2017 Dão (Intermarché: 6,69 €; Continente: 6,99 €)
Vinha do Carmo 2016 Lisboa (Continente: 6,79 €)
Castello d'Numão Reserva 2015 Douro (Auchan: 6,98 €)
Adega de Borba Reserva Rótulo de Cortiça 2015 Alentejo (Auchan, Intermarché: 7,48 €; Continente: 7,49 €; Pingo Doce: 7,85 €)
Herdade do Portocarro 2015 Setúbal (Auchan: 8,49 €)
Boina 2016 Douro (Auchan: 8,99 €)
Monte da Ravasqueira Vinha das Romãs 2015 Alentejo (Auchan, Continente, Intermarché: 13,49 €)

Fortificados
Offley Porto 10 Anos (Continente, Pingo Doce: 8,99 €)
Offley LBV 2013 Porto (Continente; 10,19 €)




quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Solstício 2 Barricas 2011 Tinto




Alentejo




Muitas, de vinha centenária


14 %


Natural, lacrada, bom estado, molhada apenas na base


- € (Produtor)


Cor média, rubi, com laivos alaranjados. Nariz circunspecto, sóbrio e complexo, com notas de fruta silvestre, especiarias e barrica de qualidade perfeitamente integrada. Na boca revelou-se elegante e personalizado, com taninos bem presentes a anunciar uma secura digna de nota, mas amaciada pela doçura da fruta, termina longo e afirmativo com notas de café e tabaco. Vinho superior, com estrutura vincada, gastronómico e poderoso que vai durar anos em garrafa. Se gosta de vinhos com carácter vincado, está aqui uma óptima opção. O PVP, se ainda o encontrar, andará pelos 25 €.
Março 2019
 
Com Alma
 
-

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Cabriz Reserva 2017 Branco




Dão



Encruzado


13 %


100% Aglomerado, molhada apenas na base


5,49 € (Jumbo; Preço Promocional)


Amarelo citrino. Aroma sóbrio, notas verdes, especiarias de barrica, doce e citrinos num todo agradável. Boa amplitude e cremosidade na boca, sensação de gordura, mas equilibrada pela acidez, longo e equilibrado, com final dominado pelas notas de barrica. Vinho atraente, bem feito e bom parceiro de mesa. Merecia outra rolha. PVP normal na prateleira a 6,49 €.
Março 2019
 
Cordial